sábado, 20 de fevereiro de 2016

Série | Quantico

Olá! Hoje decidi vir falar-vos de uma série que vi ao longo do mês de Janeiro, Quantico. Uma série que há muito queria ver e que gostei muito. Atualmente está em pausa, mas a segunda parte da temporada está para breve, sai já em Março.
Título original: Quantico
Ano de estreia: 2015
Nº temporadas: 1
Elenco: Priyanka Chopra, Jake McLaughlin, Josh Hopkins, Aunjanue Ellis, Johanna E. Braddy, Tate Ellington, Rick Cosnett, Brian J. Smith, Anthony Ruivivar, Yasmine Al Massri Graham Rogers.
Género: Drama, policial e suspense.
Sinopse: "Um grupo diverso de brilhantes e controlados recrutas chega à base do FBI em Quantico para o treinamento. Eles são considerados alguns dos melhores agentes, mas, paradoxalmente, um deles se torna suspeito de planejar o maior ataque em Nova York desde o dia 11 de Setembro."

Opinião: Esta série que inicialmente parece ter uma história com pouco para dar, no fim da primeira parte da primeira temporada revela-se muito mais do que esperávamos dela inicialmente: é uma enorme surpresa e uma bomba relógio de episódio para episódio.
    Esta série tem início quando vários recrutas que foram escolhidos a dedo com base nos seus passados e segredos, vão para a base do FBI em Quântico para serem treinados. Eles são os melhores agentes e enfrentam constantemente testes que os põem à prova de modo a confirmar isso mesmo, por isso só os melhores dos melhores acabam formados.
    Para surpresa de muitos, depois de estarem formados, Nova Iorque é alvo de um atentado terrorista e Alex Parrish (Priyanka Chopra), uma das recrutas que acaba por formar-se - a melhor de todas, diria eu -, é a única sobrevivente que é encontrada com vida no meio dos destroços do atentado. A partir daqui desenrola-se uma grande investigação que toma os antigos recrutas como principais suspeitos, mas as suspeitas depressa recaem apenas sobre Alex que tem todos os indícios à apontarem contra ela.
    Os episódios são preenchidos maioritariamente por flashbacks da Alex enquanto recruta do FBI, é a partir desses flashbacks que vamos conhecendo de forma mais aprofundada a maioria das personagens e nos apercebemos como o passado deles os persegue até ali, principalmente se for um passado mais negro e com contornos que podem comprometer o seu trabalho enquanto agentes do FBI e/ou a sua integridade enquanto profissionais.
  Os temas abordados são muito variados e para mim nesse aspecto a série está muito bem conseguida, pois aborda-nos a importância da amizade, as relações familiares sendo umas mais positivas do que outras, o trabalho em grupo que nem sempre é fácil e os preconceito e estereótipos. Exemplo de um dos maiores estereótipos desta série é o facto de haver uma recruta que se chama Nimah Amin (Yasmine Al Massri) que como é passível de perceber pelo nome, é uma mulher descendente do médio oriente o que faz com que seja logo uma das principais suspeitas do atentado terrorista.

  Apesar de no geral gostar muito da história que está sempre a mudar de rumo, o que faz com que nós nunca consigamos perceber qual é a verdadeira pessoa que está por detrás do atentado, por vezes tornou-se um pouco aborrecido estarmos constantemente perante flashbacks e quando voltamos ao presente os desenvolvimentos são escassos e quando existem apontam sempre numa direcção diferente, mas isso acontece sucessivamente. É como se estivessem constantemente a dar tiros no escuro na esperança de apanhar um culpado que nunca é apanhado.
  O balanço que faço da série é positivo, apesar de algumas das suas falhas é uma série que pretendo continuar a ver porque quero muito ver no que isto vai dar e descobrir quem é o verdadeiro culpado!
Classificação: ★★★★☆
E vocês, já tinham ouvido falar desta série?

1 comentário: